domingo, 27 de novembro de 2011

DOCES SOBRE A MESA

Doces sobre a mesa
Nunca mais ninguém me esperou assim
Casa arrumada,
Pétalas pelo chão
Caminho de velas até o quarto
Doces sobre a mesa de canto
Incenso,
O aparelho de som aberto,
deixando ver o nosso CD... mudo...
Só ele me espera assim
Olho e não encontro,
Não o vejo,
Chamo, sussurrando,
Talvez durma,
Pétalas sobre a cama,
E sobre o lençol de cetim
Sangue...
A poça de sangue espalhada
por todo lado
Ao lado da cama,
O pequeno punhal
Com que ele abria as cartas
que lhe enviava...

Vera Celms
Licença Creative Commons
O trabalho DOCES SOBRE A MESA de Vera Celms foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição - NãoComercial - SemDerivados 3.0 Não Adaptada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário